Notícias do velho mundo por um Torna-viagem

Antigamente, quando a comunicação era precária e não havia Internet, celular, tevê e o rádio se iniciava, havia a figura do Torna-viagem, alguém que chegava do estrangeiro e trazia notícias e pequenas encomendas para os que ficavam. Geralmente, era um padre, pastor ou parente, que ia à Europa e de lá trazia notícias do velho mundo para os imigrantes do novo. Retomo esse personagem para lhes contar um pouco do que vi, embora corra o risco de ser redundante, se o que narrar não for novidade para ninguém.

Primeiro, os grandes problemas do oeste europeu, hoje, são a imigração e o desemprego. Itália, Espanha, França, Alemanha, Inglaterra não sabem mais o que fazer para conter a onda imigratória vinda da África, América e dos países do Leste Europeu. A eles atribuem todos os males que sofrem, hoje, como a violência urbana, poluição, mendicância, insegurança. No entanto, precisam da mão de obra desses imigrantes, pois a população envelheceu e eles não têm gente para fazer o serviço essencial e pesado. Os políticos direitistas ganharam as eleições recentes prometendo expulsar os imigrantes, mas como o farão, eis o problema.

Na Espanha, milhares de pessoas protestaram, na ocasião da Feira de S. Firmino, que abre a temporada de touradas, contra essa tradição secular. Disseram os manifestantes que doze mil touros são mortos por ano, no que não consideram “arte nem cultura, mas tortura”. Os catalães são contra as touradas, e eu, também. Que vivam os touros!

Em Hamburgo, na Alemanha, deve existir mais área verde que em todo o Espírito Santo. Apesar de ser uma das cidades mais industrializadas da Europa e de ter um porto super movimentado, não há poluição, em terra, ar ou água. No rio que banha a cidade, podem-se ver cisnes e outras aves, nadando solenemente. Por ser uma cidade de tradição portuária, é grande a exploração do erotismo e da sexualidade, em todas as suas formas possíveis e imagináveis. Há um bairro todo dedicado a esse comércio, atração turística, chamado Sant Pauli, maior que o Pigalle, de Paris, ou o Bairro Vermelho, de Amsterdam.

Estocolmo é a capital mundial do design. Não, não é Nova York, brothers. Basta ir ao Museu Nacional para ver como os suecos eram adiantados na criação de objetos de uso diário e de decoração, desde o século XVIII.O design de mesas e cadeiras, de utensílios domésticos, tão comuns nos dias atuais, surgiu da cabeça de um sueco, esse descendente dos vikings, povo de bem com a vida, em todos os sentidos.

Na Finlândia, não existe mais telefone público nem cabine telefônica. Orelhão, pra eles, é pré-histórico. Como todos os finlandeses têm celular e computador, os turistas que se danem. Para ligar de lá, só se levar um celular. Passam seis meses do ano dentro de casa, por causa do frio, e na primavera-verão, saem todos para ouvir música, tomar sol, caminhar pelos parques, fazer piquenique, aproveitando ao máximo o longo dia de quase 22h.

Na Rússia, acabou o comunismo, mas a burocracia é ainda soviética. A livre iniciativa é incipiente e o povo parece macambúzio, melancólico, de difícil sorriso. São Petersburgo está linda, com suas noites brancas, em que o sol se põe à meia-noite e volta três horas depois, toda restaurada, cheia de gente e a vida noturna é muito agitada. As luzes da cidade refletidas no formoso rio Nava tornam a cidade dos czares uma das mais belas da Europa.

Anúncios

12 comentários

  1. Victor Humberto Salviato Biasutti · março 10, 2016

    Muito bom Francisco Aurelio!
    Uma pena que foi extinta a publicação das Crônicas em A Gazeta.
    Bom que você criou este Blog.
    Ótimos os escritos. Interessante a situação de deixar os livros depois de lidos. Outros serão beneficiados.
    Moderno? A foto é selfie?
    Abraço e votos de sucesso.
    Victor Humberto

    Curtir

  2. Renato Ribeiro Machado · março 10, 2016

    Vamos te acompanhar agora pelo blog e nos deliciar com suas crônicas, abraços, Renato

    Curtir

  3. Elizete Caser Rocha · março 14, 2016

    Uma lástima acabar com a publicação de suas crônicas no jornal impresso!
    Mas vou acompanhar suas lindas crônicas que nos faz viajar pelo mundo da imaginação, agora no blog

    Curtir

  4. Elizete Caser Rocha · março 14, 2016

    Lamentável o término de suas crônicas no jornal A Gazeta!
    Mas vou continuar a viajar pelo mundo visitando seu blog

    Curtir

  5. Marina Meneguelli da Hora · março 31, 2016

    Estou muito feliz de poder acompanhar melhor todas as suas aventuras meu tio querido. Adorei a iniciativa de criação do blog. Sucesso sempre pra você.

    Curtir

  6. Elizete Caser Rocha · julho 8, 2016

    Que lugares fantásticos e lindos para conhecer! Vc fez uma viagem maravilhosa na história mundial! Tb adorei suas dicas de alimentação nas viagens. Gostaria de conhecer estes lugares. Conhecer essa cultura deve ser incrível mesmo! Parabéns pelas crônicas! Merecem ser lidas por muitos! Viva o Torna Viagem!!!!

    Curtir

    • Francisco Aurelio Ribeiro · julho 8, 2016

      Obrigado pela força, Elizete. Pena que a Neila não acesse.Acho que ela iria gostar.

      Curtir

      • Elizete Caser Rocha · julho 9, 2016

        Vou trazê-la aqui em casa e acessar o Torna Viagem pra ela!
        Ela vai gostar sim. As crônicas são ótimas! Adoro tb viajar. Esses lugares que foi são bem diferentes, cultura curiosa…

        Curtir

  7. Francisco Aurelio Ribeiro · julho 8, 2016

    Obrigado. Viajar é aprender com as diferenças, sair do lugar comum e experimentar as dores e as delícias da humanidade

    Curtir

    • Elizete Caser Rocha · julho 9, 2016

      Adorei o significado do Torna Viagem!
      Parabéns mais uma vez pelas suas fantásticas e belíssimas viagens!
      Abs

      Curtir

  8. ANDREA MENEGUELLI NEGREIROS · julho 12, 2016

    Tio, como sempre seus textos são maravilhosos. Viajamos ao lê-los. Beijios. Sucesso.

    Curtir

  9. Elizete Caser Rocha · julho 13, 2016

    Visitando o Torna Viagem mais uma vez para parabenizá-lo pelas lindas e significativas fotos!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s